• LinkedIn - White Circle
  • Facebook - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • Instagram - White Circle

Câmpus da Sede

SHIS QI 21 Área Especial Conjunto C1

Brasília, DF, Brasil | 71655-600

Telefones: +55 61 33661800

Câmpus da Educação Infantil

SMDB Conjunto 19 Chácara 02

Brasília, DF, Brasil | 71619970

Telefones: +55 61 33662947

Alunos do Grade 7 leram e discutiram sobre igualdade de gênero

 A igualdade de gênero, um dos valores defendidos pela Escola, não é um assunto tão simples para os alunos. No Grade 7, professores e estudantes o exploraram em vídeos, imagens e textos escritos para ajudá-los a entender por que homens e mulheres devem ser tratados igualmente.

 

O primeiro debate foi tão bom que os docentes decidiram criar apresentações para compartilhar com pais e colegas.

 

Uma aluna deu testemunho da importância do projeto pois, com ele, todos aprenderam que homens e mulheres são iguais, que merecem o mesmo tratamento, que feminismo é bom e que homens podem ajudar na causa e serem feministas também.

 

Seis alunas apresentaram trabalhos na Feira do Livro no dia 13 de maio. O público gostou muito do que viu e ouviu.

 

Seguem trechos que merecem leitura atenta.

 

“Hoje em dia, a palavra feminismo está sendo distorcida e seu significado modificado. Essa expressão não significa que que nós, mulheres, somos melhores que os homens. Que queremos ser superiores a eles. Não, significa que queremos ser iguais a eles. Queremos algo que se chama igualdade de gêneros.” – Elisa, 13 anos, Grade 7.

 

“Desde quando futebol foi magicamente selecionado só para meninos? Pode perguntar para qualquer criança ou adulto, nasce uma menina - Vamos botar ela no balé! Nasce um menino… Ah o próximo maior jogador de futebol! Mais por quê? Por que todos as meninas já fizeram balé quando elas eram pequenas? Por que, se no PE a gente vai jogar futebol, as meninas se escondem e falam que isso é coisa “de menino”? Mais o que é feminismo? Feminismo é quando todos os gêneros são aceitos, e não quando a mulher é superior ao homem” – Ana, 13 anos, grade 7.

 

Please reload